Enem exige boa formação - Vestibular1

Enem exige boa formação

Enem exige boa formação

Se você acredita que fazendo uma revisão estará melhor preparado, acesse depois as nossas dicas de matérias importantes tanto para o Enem, como para vestibular. Visite a seção de Revisão OnLine!

Mas se você não quer, há quem diga que apenas a formação lhe dará subsídios para fazer uma boa prova no Enem e vestibulares. Veja!

Enem exige formação e não treino (de última hora)

Na véspera do Exame Nacional do Ensino Médio não adianta tentar se preparar, já que o desempenho na prova é resultado da experiência escolar do aluno.

Diferente de uma prova convencional, o exame instituído pelo MEC funciona como um instrumento de medida, que avalia a formação do aluno, suas habilidades e competências adquiridas ao longo do aprendizado escolar. Com isso, fica impossível executar qualquer tipo de treino ou preparação específica para o Enem nas vésperas da prova, explica o professor Sezar, orientador pedagógico e supervisor de Biologia do Sistema Anglo de Ensino.

A afirmação serve como um alerta. De acordo com o professor, pelo fato de o Enem ser uma prova com um propósito diferente das tradicionais, há muita falta de informação em relação ao seu formato. Os alunos estão acostumados com provas conteudistas, que admitem treino, já que avaliam o conhecimento teórico, diz.

No caso do Enem, não adianta ter se preparado na véspera: aqueles que tiveram uma boa formação se sairão melhor.

Para o professor, o treinamento para o Enem se dá por meio de um processo continuado da educação. Isso não se faz dias antes do Exame, mas durante uma vida escolar inteira, com maior ou menor intensidade, dependendo da escola e dos professores, justifica.

Em relação ao conteúdo da prova, Sasson lembra que a cobrança é feita de maneira light.Quando um conhecimento específico é exigido no Enem, ele normalmente é básico e fundamental. Em muitos casos, ressalta, o conteúdo nem é cobrado: os enunciados contêm, em seu corpo, as informações necessárias à resposta.

Simulados – a realização de simulados para o Enem é indicada, segundo o prof. Sezar Sasson, mas desde que sua proposta seja dar ao aluno a oportunidade de conhecer melhor o teste. No Sistema Anglo de Ensino, por exemplo, o Simulado do Enem é aplicado em cerca de 500 escolas. O aluno é instruído a fazê-lo como um estímulo para o exame oficial. Os estudantes que realizam o simulado geralmente saem mais confiantes, uma vez que a prova exige pouco do conteúdo escolar, afirma o professor.

Como a prova cobra habilidades e competências, as dicas sugeridas pelo professor do Anglo são: ler com muita atenção, compreender o que está sendo perguntado e amarrar as informações disponíveis. É claro que o aluno precisa ter um certo nível de informação, mas, de qualquer forma, habilidades e competências são consequências da aquisição de conhecimento. E tudo isso é resultado de uma boa escolaridade, conclui.

Sobre a prova – Composto por questões de múltipla escolha e uma redação, o Enem é um exame interdisciplinar e contextualizado, que avalia o desempenho do aluno ao término da escolaridade básica em cinco competências: domínio de linguagens, compreensão de fenômenos, enfrentamento de situações-problema, construção de argumentações e elaboração de propostas de intervenção na realidade.

Sua proposta é verificar se o egresso do Ensino Médio possui as qualidades básicas para que o aluno exerça sua cidadania

Atualmente, muitas das principais instituições de educação superior utilizam os resultados do Enem nos seus processos seletivos.

CONFIRA COMO É A PROVA DE MÚLTIPLA ESCOLHA

MATEMÁTICA: Esqueça os números sem fim e as contas catastróficas, que você julga impossível. No ENEM o que vale são aqueles números do dia-dia, como matemática financeira (regras de três, porcentagens) e probabilidades. Outra dica bem interessante é saber analisar tabelas e gráficos. Esse ponto é um dos mais pedidos no exame.

FÍSICA: As fórmulas que você não consegue decorar não são pedidas. É isso mesmo. Se há necessidade de usar fórmulas, são as mais simples ou são dadas no enunciado. Fique ligado às situações do dia-dia, como por exemplo as ondas de televisão e rádio. Estude os fenômenos e não ligue muito para as fórmulas.

BIOLOGIA: Fique ligado aos assuntos que estão na mídia. Questões de ecologia e biodiversidade são as mais pedidas. Estude questões relacionadas com outras matérias como física, química, geografia e história. Questões sobre a sustentabilidade do planeta e botânica podem ter muitas questões.

QUÍMICA: Em vez da tabela periódica, preste atenção no que está acontecendo a sua volta. Fenômenos que estão na mídia são bem prováveis. Fique ligado em efeito estufa e camada de ozônio.

PORTUGUÊS: Rainha de todas as matérias, ela deve ser o seu domínio o tempo todo. Saiba relacionar escola literária, autor e contexto histórico. As questões dessa matéria requerem interpretação não somente a partir de textos, mas também de gravuras e charges. Uma site bem interessante é o Charges.com.br. Nele, encontra-se charges bem atuais e divertidas, que o ajudarão a compreender charges paradas, como as de um jornal.

GEOGRAFIA: Para se dar bem nesta matéria, LER é a base. Fique antenado no que está na mídia, como os tornados nos EUA.

HISTÓRIA: É importante conhecer os fatos históricos, mas é fundamental entender o contexto deles e compreender como eles interferiram no curso da humanidade.

CONFIRA COMO É A REDAÇÃO

Fique antenado com o que está acontecendo. Aproveite para estudar sobre a estrutura da dissertação, pois é o estilo pedido. Saber argumentar bem, das coesão e coerência, utilizar português formal, sem gírias e utilizar letra legível (cursiva ou de forma).

Segundo Reginaldo, o coordenador de correção das redações, o principal um grande problema é a letra. São utilizados especialistas em manuscritos escritos para ler todas as redações. Ele ainda diz, que outro problema é a dificuldade de articulação de ideias. Ele também recomenda não deixar a redação em branco, pois pode salvar o estudante em alguma parte da vida. O apoio dado pela seção Redação Nota 10 do Vestibular1 tem informações e dicas exclusivas.

Maiores Informações (Enem exige boa formação)

Se você quiser obter informações mais detalhadas sobre o Enem, entre em contato com a Secretaria de Educação de seu estado. Na Internet, ou visite o site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP) ou fique atento as nossas páginas que estamos sempre atualizando as informações.

Faça nosso cadastro com o seu nome e e-mail para receber futuras alterações nas páginas do ENEM.

 

Você acabou de ver, Enem exige boa formação, veja agora; O que vai cair no Enem, Definidas as datas do Enem, Aula para o Enem, Vídeo aulas, Enem exige boa formação, Resultados do Enem, Aulas de Revisão para o Enem- Matérias que mais caem no Enem, Consulte a carreira desejada após fazer nosso teste vocacional. Visite a seção!

Confira os gabaritos das provas ou faça o download das provas de anos anteriores: Prova e gabarito de anos anteriores. Se você quer melhorar seus estudos ou vai fazer vestibular ou Enem este ano, O Vestibular1 é uma ferramenta essencial! Enem exige boa formação, Visite as seções de Vestibular e de Vídeo Aulas, elas te ajudam a se preparar para o Enem e vestibulares, e principalmente entrar na sonhada universidade!

 

Vestibular1

O melhor site para o Enem e de Vestibular é o Vestibular1. Revisão de matérias de qualidade e dicas de estudos especiais para você aproveitar o melhor da vida estudantil. Todo apoio que você precisa em um só lugar!

Deixe uma resposta