Menu fechado
Ídolo: Ayrton Senna, Você sabia? Curiosidades para vestibular

Ídolo: Ayrton Senna

Ídolo: Ayrton Senna

Ayrton Senna : Curiosidades de um Ídolo

Você sabia? Curiosidades para vestibulandos

Não perca essa! O Vestibular1 vai tornar seus sonhos realidade!

Ídolo: Ayrton Senna

Quando tinha apenas quatro anos de idade, Ayrton Senna ganhou seu primeiro kart. Era um pequeno carrinho equipado com freios a disco e motor a picadeira de cana, que atingia até 60 quilômetros por hora. O kart despertou a paixão de Ayrton pela velocidade e o garoto, desde cedo, já mostrou uma habilidade surpreendente. Mas ainda faltava colocar o talento à prova. Somente aos nove anos, Ayrton teve a primeira chance de enfrentar outros adversários numa pista de corrida.

A estreia do futuro tricampeão numa prova de kart aconteceu numa competição amistosa realizada em Campinas. Ayrton acabara de ganhar um kart novo em folha do pai, Milton, e estava ansioso para acelerar. O brinquedo pesava menos de 50 kg, tinha freios a discos hidráulicos e alcançava até 100 km/h. Antes mesmo da prova, o ambiente carregado da competição deixou Milton da Silva com um mau pressentimento. E, quando o filho foi sorteado para largar na pole position, ele decidiu tomar uma decisão radical.

Fiz de tudo para ele não entrar na pista. Retirei a inscrição e guardei o kart. Mas a insistência dele foi tão grande que acabei concordando, com uma exigência: não sair da pole, e sim de último. Também perdi essa parada, contou Milton ao jornalista Lemyr Martins, em declaração reproduzida no livro Ayrton Senna – O Herói Revelado, de Ernesto Rodrigues.

Na corrida, Ayrton surpreendeu. Correndo contra adversários bem mais velhos e experientes, o garoto não só manteve a vantagem da pole, como também liderou por 35 voltas. A apenas seis giros da bandeirada, porém, veio o susto. Ao defender a ponta, Ayrton se tocou com um adversário e saiu da pista em alta velocidade. O pai Milton só viu a poeira subindo e temeu pelo pior.

Mataram o moleque!, gritou ele, saindo em disparada rumo ao local do acidente. Para grande alívio de Milton, Ayrton não havia se machucado. Cheguei na curva e ele já estava de pé, sacudindo a poeira e olhando feio para o garoto que o tirou do circuito. A estreia de Ayrton não havia saído como planejado, mas o menino estava apenas começando a sua história nas pistas. (Por Leandro Claro)

Saiba mais sobre a carreira do Ídolo: Ayrton Senna em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ayrton_Senna

 

Conheça também: Você sabia? Parte 1Você sabia? Parte 2  e  Você sabia? Parte 3

Depois de acessar Ídolo: Ayrton Senna, veja também: Guia de Estudos para a prova da Fuvest, Fuvest – Vencendo a 1ª Fase, Passe na Fuvest, Bolsas de Estudos, Vídeo Aulas grátis no Vestibular1, Preparação e conteúdos para provas de vestibular, Depoimentos sobre o Vestibular1 – Deixe o seu também!

Revise com Vestibular1, e tenha um aprendizado empolgante para Vestibular e Enem, Revisando com o Vestibular1, seus resultados serão incríveis! Ídolo: Ayrton Senna

 

Publicado em:Hora do Recreio

Você pode gostar também