Menu fechado

ATUALIDADE DOS IDEAIS DA REVOLUÇÃO CONSTITUCIONALISTA DE 1932

Não perca essa!

Comemoramos neste dia 9 de julho 77 anos do início da Revolução Constitucionalista de 1932, levante deflagrado em São Paulo em defesa do Estado Democrático de Direito. Na ocasião, o Brasil vivia o governo provisório de Getúlio Vargas, que chegara ao poder dois anos antes com um golpe que derrubou a chamada República do Café com Leite.

Não obstante, o Brasil ainda carecia de uma nova Constituição Federal, sem a qual o país se encontrava refém dos desmandos de Vargas. Com efeito, após o golpe getulista, a autonomia de São Paulo foi ignorada, sendo nomeado um interventor forasteiro, o que insuflou os brios do povo paulista.

Guiado pelos ideais democráticos, o povo foi às ruas exigir a imediata convocaçãode uma Constituinte. Entre aqueles que pegaram em armas, estavam muitos estudantes de Direito na luta pelo ideal democrático.Os jornais da ditadura foram empastelados e, durante o conflito com as tropas federais leais a Vargas, quatro estudantes de Direito do Largo São Francisco foram assassinados: Euclides Miragaia, Mário Martins de Almeida, Dráusio Marcondes de Sousa e Antônio Camargo de Andrade. As siglas dos nomes dos mártires (Miragaia, Martins, Dráusio e Camargo) deram origem ao MMDC, entidade-símbolo da luta pela democracia e pela criação de uma sociedade mais justa e solidária.

Passados quase oitenta anos da Revolução, pela qual tantos paulistas deram a vida, é mais atual do que nunca resgatar o esforço desses mártires na luta pela liberdade, pelas garantias individuais e pelo respeito aos primados constitucionais que, infelizmente, têm sido ignorados com assustadora frequência.

A OAB SP, defensora do Estado Democrático de Direito, se une aos brasileiros nas comemorações pela Revolução de 1932, pois entendemos que os ideais dos mártires de outrora continuam a iluminar o povo na luta pela liberdade, pela paz social e contra corrupção de todos os matizes.

Apesar de perder no campo bélico, a Revolução de 1932 foi vitoriosa com a promulgação de uma nova Constituição, a provar que o esforço dos paulistas contra a opressão valeu a pena e manteve viva a luta contra o Estado de exceção, o autoritarismo e o cerceamento das liberdades democráticas.

Luiz Flávio Borges D´Urso – Presidente da OAB SP

Instituições públicas de São Paulo divulgam simultaneamente calendário dos vestibulares, os candidatos que pretendem participar das provas da Fuvest, Unesp, Unicamp, UFSCar, Unifesp, ITA, PUC-SP e PUC-Campinas, já podem conferir as datas dos exames. Veja o calendário:

Fuvest Unicamp Unesp Unifesp PUC-São Paulo

Unicamp aceita Enem

Jornal da Salesiana

Ftec agenda nova data

Livros da Unitau

Escola da Família na Policamp

Maratona Universitária na Mauá

Pós graduação na Faap

Gestão de Preços

Mercado e Tendências

Projeto Rondon na Unitau

Treinamentos Empresariais

Miss Capivari é eleita

Mais uma Faculdade Gratuita

Conheça o Exclusivo

Guia de Como Escolher a Profissão

Revise com Vestibular1, e tenha um aprendizado empolgante para Vestibular e Enem

Visite a página de Opção de Carreira Navegue também pelas carreiras

Veja também links de carreiras Veja as tendências de carreiras

Revisando com o Vestibular1, seus resultados serão incríveis!

Publicado em:Notícias

Você pode gostar também