Menu fechado
Biografia dos Autores literários

Biografia Oswald de Andrade

 

Biografia Oswald de Andrade

José Oswald de Sousa Andrade nasceu em São Paulo, no dia 11 de janeiro de 1890. Em 1909 foi publicado seu primeiro artigo: Penando, no O Diário Popular. Em 1911, fundou com Alcântara Machado e Juó Bananère a revista semanal “O Pirralho”.

Em 1912, em sua coluna no Jornal do Comércio defende Anita Malfatti das críticas de Monteiro Lobato.

Tornou-se o principal divulgador da renovação literária no Brasil. Foi muito importante o seu papel na Semana de Arte Moderna de 22, e nos anos de afirmação modernista. Em Sorbonne, Paris, fez a conferência “O Esforço Intelectual do Brasil Contemporâneo”.

Em 1922 publica o primeiro volume da trilogia do romance Os condenados, no qual Alma, personagem principal, foi inspirada em Miss Cyclone.
Publicou no Correio da Manhã, em 1924, um dos mais importantes manifestos do Modernismo “Manifesto Pau-Brasil”.

Biografia Oswald de Andrade: em 1925 Oswald de Andrade lança o livro de poemas “Pau-Brasil”, ilustrado por Tarsila do Amaral, onde apresenta uma literatura extremamente vinculada à realidade brasileira.

Em 1926 casa-se com a pintora Tarsila do Amaral.
Em 1928 propõe que o Brasil devore a cultura estrangeira e crie uma cultura revolucionária própria, radicalizando o movimento nativista, o seu “Manifesto Antropofágico”. Separa-se de Tarsila do Amaral e casa-se com a escritora Patrícia Galvão, a Pagu. Em 1944, casa-se com Maria Antonieta D’Aikmin, com quem teve duas filhas e permaneceu casado até o fim de sua vida.

Biografia Oswald de Andrade: a poesia de Oswald de Andrade trouxe renovação na linguagem literária, pois não se adequava aos modelos de literatura da época, sua obra era repleta de ironia.
Foi uma das personalidades mais polêmicas do Modernismo. Era brincalhão, bem humorado e irônico, e teve uma vida atribulada

José Oswald de Sousa Andrade morreu em São Paulo, no dia 22 de outubro de 1954.

Biografia Oswald de Andrade – Obras de Oswald de Andrade
Os Condenados
Memórias Sentimentais de João Miramar
Manifesto Pau-Brasil
Pau-Brasil
Estrela de Absinto
Primeiro Caderno de Poesia do Aluno Oswald de Andrade
Manifesto Antropófago
Serafim Pontes Grande
O Homem e o Cavalo
O Rei da Vela
A Morta
Marco Zero I – A Revolução Melancólica
A Arcádia e a Inconfidência
Ponta de Lança, ensaio, 1945
Marco Zero II – Chão
A Crise da Filosofia Messiânica
O Rei Floquinhos
Um Homem Sem Profissão

 

Biografia Oswald de Andrade

Publicado em:Biografias

Você pode gostar também