Escolas Literárias

Quinhentismo e Literatura de Informação

Escola literária Quinhentismo e Literatura de Informação. A maioria das obras escritas no Brasil na época não foram feitas por brasileiros, mas sobre o Brasil por visitantes. Elas são chamadas Literatura de Informação. Apenas dois autores da época podem ser considerados autores brasileiros: Bento Teixeira, o primeiro poeta do Brasil, e José de Anchieta, iniciador do teatro brasileiro.

Quero ver

Parnasianismo

Revisão de Literatura: Parnasianismo. Características do Parnasianismo: Busca da perfeição formal – Linguagem rebuscada; Vocabulário culto; Gosto pelo soneto; Rimas raras e chaves de ouro; Gosto pelas descrições; Objetivismo; Racionalismo, contenção das emoções; Universalismo; Apego à tradição clássica;

Quero ver

Realismo Naturalismo Parnasianismo

Realismo Naturalismo Parnasianismo. O Realismo e o Naturalismo foram as duas escolas literárias de domínio no fim do século XIX e início do século XX. Sua contraparte na poesia é chamada de Parnasianismo.

Quero ver

As Vanguardas Europeias

Revisão de Literatura: As Vanguardas Europeias. Cubismo. Características: Cubo: pluri dimensional; Poema pílula (pequeno); Poema Piada; Linguagem cotidiana, cinematográfica (Flashes); Bidimensional: do concreto para o abstrato; Resgate do primitivismo: espontaneidade

Quero ver

Escola literária Romantismo II

Escola literária Romantismo. Ele pretendia, junto com Álvares de Azevedo, instalar a boêmia byroniana em São Paulo. Tornou-se célebre principalmente por sua famosa obra A Escrava Isaura, que foi adaptada para filme, teatro e televisão.

Quero ver

Escola literária Romantismo

Escola literária Romantismo. O primeiro poeta romântico brasileiro foi Gonçalves de Magalhães, que publicou Suspiros Poéticos e Saudades em 1836. Era marcado por grande subjetividade, idealização (da mulher e do amor) e sentimentalismo. Foi a primeira tentativa consciente de se produzir literatura verdadeiramente brasileira.

Quero ver

Escola literária Simbolismo

Escola literária Simbolismo. O Simbolismo foi uma escola literária de poetas, que tinham colegas por todo mundo como o francês Charles Baudelaire, mas tinham pouco reconhecimento e aceitação artística.

Quero ver