Menu fechado
Hegemonia do capital financeiro Revisão de Atualidades por Vestibular1

Revisão de Atualidades: Hegemonia do capital financeiro

 

Atualidades: Hegemonia do capital financeiro

Resumão – Revisão da Matéria de Atualidades – Revisando seus conhecimentos
Atualidades: Hegemonia do capital financeiro

 

Hegemonia do capital financeiro

O crescimento do sistema financeiro internacional constitui uma das principais características da globalização. Um volume crescente de capital acumulado é destinado à especulação propiciada pela desregulamentação dos mercados financeiros.

Nos últimos quinze anos o crescimento da esfera financeira foi superior aos índices de crescimento dos investimentos, do PIB e do comércio exterior dos países desenvolvidos.
Isto significa que, num contexto de desemprego crescente, miséria e exclusão social, um volume cada vez maior do capital produtivo é destinado à especulação.

O setor financeiro passou a gozar de grande autonomia em relação aos bancos centrais e instituições oficiais, ampliando o seu controle sobre o setor produtivo. Fundos de pensão e de seguros passaram a operar nesses mercados sem a intermediação das instituições financeiras oficiais.
O avanço das telecomunicações e da informática aumentou a capacidade dos investidores realizarem transações em nível global. Cerca de 1,5 trilhão de dólares percorre as principais praças financeiras do planeta nas 24 horas do dia. Isso corresponde ao volume do comércio internacional em um ano.

Da noite para o dia esses capitais voláteis podem fugir de um país para outro, produzindo imensos desequilíbrios financeiros e instabilidade política. A crise nos emergentes revelou as consequências da desregulamentação financeira para os chamados mercados emergentes.
Foram necessários empréstimos da ordem de 100 bilhões de dólares para que os EUA e o FMI evitassem a falência de Estados e o início de uma crise em cadeia do sistema financeiro internacional.

Sob a forma da recessão, do desemprego e do arrocho dos salários, os trabalhadores de muitos países prosseguem pagando a conta dessa aventura. Nos períodos “normais” a transferência de riquezas para o setor financeiro se dá por meio do serviço da dívida pública, através da qual uma parte substancial dos orçamentos públicos são destinados para o pagamento das dívidas contraídas junto aos especuladores.

 

Pegue firme na revisão de matérias, visite as seções de Vestibular e de Enem elas podem te ajudar a complementar o estudo e revisão das matérias na internet!

Revisão de Atualidades: Hegemonia do capital financeiro

Publicado em:Atualidades,Matérias,Revisão Online

Você pode gostar também