Menu fechado
História: Independência da Indochina Vestibular1

Revisão de História: Independência da Indochina

 

História: Independência da Indochina

Resumão – Revisão da Matéria de História – Revisando seus conhecimentos
História: Independência da Indochina

Revisão de História: Independência da Indochina

 

Independência da Indochina

Constituída pelo Vietnã, Laos e Camboja, foi uma colônia francesa até 1940 – sua independência tem sido marcada por intensa violência:
• foi ocupada pelos japoneses na Segunda Guerra Mundial; em 1945, os japoneses criaram o Estado Autônomo do Vietnã (formado por Tonquim, Anam e Cochinchina) – entronizado o imperador Bao Dai com capital em Saigon.
• a resistência contra os franceses e japoneses já vinha sendo feita por Ho Chi Minh (que fundou o Partido Comunista da Indochina ou Vietminh, em 1931) chegou a tomar o poder no Norte (1941), criando a República Democrática do Vietnã (capital Hanói).
• a ocupação japonesa foi superada por uma coligação entre forças vietnamitas, chinesas e inglesas (que ocuparam temporariamente o território); ao término da II Guerra, a França pretendia recuperar o território, negociando com o Vietaminh, provocando um conflito armado iniciado em 1946.

 

A guerra da Indochina (1946/1954)

• Os franceses chefiados por Thierry d’Angenlieu (emissário francês na Indochina) apoiaram a proclamação da República da Cochinchina em Hanói (reconhecendo, ao mesmo tempo, dois governos).
• Os franceses interrompem as negociações e tentam impor-se militarmente – Ho Chi Minh passa para a clandestinidade e para a guerrilha (chefiada por Vo Nguyen Giap), após um fracassado golpe vietminh em Hanói (dezembro de 1946).
• A França propõe a independência do Vietnã dentro da União Francesa (mantendo o imperador Bao Dai), mas não foi aceito por Ho Chi Minh.
• A internacionalização do conflito (1949 ou 50) – vietminh passa a ser apoiado também pela China Popular (já era apoiada pela URSS) e os EUA passam a dar ajuda militar e financeira à França.
• A vitória de Gian, sobre os franceses em Dien Bien Phu (07/05/1954) acelerou as negociações – assinatura do Acordo de Genebra (1954); pôs fim ao conflito com a divisão temporária do Vietnã (paralelo 17) até as eleições a serem realizadas em julho de 1956; o imperador nomeia Ngo Dinh Diem como ministro do Vietnã do Sul (católico e anticomunista); o Vietminh assumiu o governo do Norte (Ho Chi Minh); a Legião Estrangeira retirou-se definitivamente.
• O conflito estava longe de ser resolvido, desencadeando depois a Guerra do Vietnã (1961/75), estendendo-se mesmo até os nossos dias.

Revisão de História: Independência da Indochina

Publicado em:História,Matérias,Revisão Online

Você pode gostar também