O Universo - Vestibular1

O Universo

Revisão de Geografia: O Universo

 

Geografia: O Universo

Resumão – Revisão da Matéria de Geografia – Revisando seus conhecimentos
Geografia: O Universo

Revisão de Geografia: O Universo

 

Geografia e o Universo

As milhares de galáxias, estrelas e planetas que são visíveis da Terra são alguns dos bilhões de objetos que compõem o Universo. A astronomia estuda o Universo e como ele se transforma com o tempo.
As estrelas e os planetas têm sido estudados desde que os primeiros seres humanos olharam para o céu noturno. Para tirar um sentido dos pontos luminosos que viam, eles os agruparam em constelações.

Acompanhavam os movimentos da Lua e dos planetas, e desenvolveram um modelo simples do Universo. Mais recentemente, os cientistas têm estudado do que são feitas as estrelas e como elas se formam, evoluem e morrem. A maioria dos cientistas acredita que o Universo nasceu numa grande explosão — o Big Bang —, o momento em que toda matéria foi criada e o tempo começou.

Quase todos os objetos no Universo estão muito distantes para serem visitados por missões da Terra. Os astrônomos usam telescópios na Terra e em órbita para juntar informações dadas por esses objetos distantes através de sua luz, raios-X, ondas de radio e radiações infravermelhas.

Sondas espaciais visitaram alguns dos planetas, cometas e asteroides e doze homens andaram na superfície da lua. A cada ano, astrônomos e cientistas espaciais descobrem mais objetos no espaço e aprendem novos detalhes sobre aqueles já conhecidos há algum tempo.

O Universo

O Universo consiste de tudo o que existe no espaço. Ele é incomensuravelmente grande, em continua mudança e está se tornando maior no decorrer do tempo.

O Universo é tudo que existe – da menor criatura na Terra às maiores estruturas distante no espaço. É também um lugar dinâmico, tudo nele segue um ciclo de vida, seja um ser humano que vive por 70-80 anos, ou uma estrela por 10 bilhões de anos. O processo é continuo à medida que cada objeto no Universo nasce, vive e então morre.

Componentes do Universo

Nosso planeta parece grande e importante comparado aos seres humanos que nele vivem. Apesar disso, a Terra é um minúsculo ponto quando comparado com o resto do Universo. A terra é um dos oito planetas orbitando a estrela chamada Sol.

Existem mais estrelas que qualquer outra coisa no Universo é impossível contá-las, mas podemos estimar que existem pelo menos 100 bilhões de bilhões delas. O Sol, como todas as outras estrelas, é uma esfera brilhante de gás quente. Ele é uma estrela amarela de médio tamanho e temperatura, que junto com outros bilhões, compõem a galáxia.

Este vasto grupamento de estrelas de forma espiralada é nossa galáxia, a Via Láctea. Junto com outras 30, elas formam um aglomerado de galáxias no espaço, chamado Grupo Local. Espalhados pelo Universo. Nós podemos ver muitas galáxias da Terra, mas muitas mais estão alem de nosso alcance visual.

No total, existem cerca da 100 bilhões de galáxias no Universo. Algumas estão tão perto, ou são tão grandes, que podemos visualizar seu formato e suas estrelas individuais. Nós as vemos através de telescópios na Terra ou em órbita terrestre.

Medindo Distâncias

É fácil realizarmos medições na Terra. Nós usamos sistemas familiares, como o métrico (quilometro, metro, centímetro) ou imperial (milha, jarda, pés, polegadas) para medir quão grande ou largo algo é. Esses sistemas são usados para medir algumas das menores coisas no espaço como uma cratera na Lua, ao até mesmo à distância de Plutão ao Sol.

Algumas coisas, porem, são tão grandes ou estão tão distantes que estes sistemas de medida não mais conseguem dar conta de números tão grandes. Os astrônomos, portanto, utilizam medidas diferentes. Dentro do Sistema Solar, eles usam a Unidade Astronômica (UA). Uma UA é a distancia entre a Terra e o Sol e esta unidade é usada para medir a distancia até outros objetos. Do sol á Marte a distância é de 1,5 UA, até Júpiter 5,2, e assim por diante.

Para fazer medições alem do Sistema Solar, para estrelas e galáxias, ou o tamanho de uma galáxia, ou o tamanho de uma galáxia de uma ponta a outra, os astrônomos usam o ano-luz (al). A luz viaja mais rápido do que qualquer outra coisa, a 299.792 km por segundo. Um ano-luz é a distancia que a luz viaja em um ano. Isto equivale a 9.460.700.000.000 Km, ou 9,46 trilhões de quilômetros, ou melhor, ainda, 1 ano-luz. A via Láctea tem 100,000 al de diâmetro.

Universo em Expansão

Tudo no universo está se movendo. A Terra gira ao redor de seu eixo uma vez por dia e nós experimentamos, alternadamente, dia e noite. A Terra viaja ao redor do Sol uma vez a cada ano; cada viagem completa é conhecida como uma órbita. Ao mesmo tempo, o Sol, a Terra e todos os outros objetos que compõem o Sistema Solar movem-se como um todo.

Eles orbitam ao redor do cetro da Via Láctea, nas quais se reúnem em aglomerados que estão se afastando tanto de nossa própria galáxia quanto umas das outras.

Continue lendo Revisão de Geografia: O Universo – parte DOIS

Estude na sequência: Revisão de Geografia
O Universo parte 2
O Universo parte 3
O Universo parte 4
O Universo parte 5
O Universo parte 6

Revisão de Geografia: O Universo

Vestibular1

O melhor site para o Enem e de Vestibular é o Vestibular1. Revisão de matérias de qualidade e dicas de estudos especiais para você aproveitar o melhor da vida estudantil. Todo apoio que você precisa em um só lugar!

Deixe uma resposta