Menu fechado
Física - Lei de Stevin II simulado com gabarito matéria específica enem vestibulares

Simulado de Física – Lei de Stevin II

Com a intenção de ajudá-lo a se preparar melhor para as provas de Vestibular e Enem, desenvolvemos este Simulado matéria específica de Física – Lei de Stevin II que contém questões específicas sobre os assuntos mais exigidos em Física.
Cada questão contém entre 2 e 5 alternativas. Para cada questão existe apenas uma alternativa correta e não existe nenhuma questão em branco.
O número de respostas certas do gabarito do Simulado de Física – Lei de Stevin II estão no final.

Boa sorte e Bons estudos!

Vamos ao Simulado de Física – Lei de Stevin II com gabarito:

Simulado de Física – Lei de Stevin II

 

01. (UFAC) Um reservatório contém um líquido de densidade 1,20 g/cm3. A diferença de pressão entre dois pontos do reservatório, um à profundidade de 775 cm e outro à profundidade de 850 cm, é:

a) 775 cm de Hg
b) 1 atm
c) 75 atm
d) 9.000 Pa
e) 8,8 N/m2
02. (FGV-SP) Quando o nível do reservatório de água já filtrada em um determinado filtro supera a altura de 10 cm, relativamente ao nível da torneirinha, a junta de vedação desta, feita de borracha de silicone, não funciona adequadamente e ocorre vazamento. Dados: dágua = 103 kg/m3 e g = 10 m/s2, a ordem de grandeza da pressão que provoca o vazamento, em Pa, é:

a) 103
b) 104
c) 105
d) 106
e) 107
03. (UERJ) O coração humano é um músculo que funciona como uma espécie de bomba hidráulica. Em repouso, a ação de bombeamento sanguíneo dura apenas 1/3 do intervalo de tempo do ciclo cardíaco. Nos restantes 2/3 do ciclo, o músculo fica relaxado.
Considerando a pressão do coração como a média entre a pressão diastólica e a pressão sistólica, calcule:

a) a potência média de bombeamento do coração;
b) a pressão sanguínea no pé, em mmHg, com a pessoa na posição vertical.
Dados: vazão do coração = 4,8 L/min
pressão sistólica do coração = 120 mmHg
pressão diastólica do coração = 80 mmHg
densidade do mercúrio = 13,60 kg/L
densidade do sangue = 1,04 kg/L
04. (UFPE) Dois recipientes, cujas bases têm áreas que satisfazem à relação A1 = 3A2. Colocam-se 33 litros de água nestes recipientes, até atingir o nível h. Determine a força exercida pela água sobre a base do recipiente 2, em kgf. Despreze o efeito da pressão atmosférica.
05. (UFV) Para trabalhar dentro d’água, um operário da construção civil utiliza um “sino submarino”. A presença de água no interior do sino é evitada pela injeção de ar comprimido no seu interior. Sendo pa a pressão atmosférica, ρa massa específica da água, h a altura da coluna de água acima da parte inferior do sino e g a aceleração da gravidade, a pressão no interior do sino é:

a) pa
b) pa − ρgh
c) 0
d) pa + ρgh
e) ρgh
06. (UFPB) Dois recipientes A e B, abertos, de alturas iguais e áreas de base iguais, estão completamente cheios do mesmo líquido. Sendo pA e pB, FA e FB as pressões e os módulos das forças exercidas pelo líquido nas bases dos recipientes A e B, respectivamente, pode-se afirmar:

a) pB > pA e FB > FA
b) pB > pA e FB = FA
c) pB < pA e FB < FA
d) pB = pA e FB > FA
e) pB = pA e FB = FA
07. (FEI-SP) Um recipiente contém água até uma altura de 20 cm. A base do recipiente é quadrada de lado 10 cm.
Adote g = 10 m/s2, densidade da água d = 1,0 g/cm3 e a pressão atmosférica ρatm = 1,0∗105 N/m2. A pressão total e a intensidade da força que a água exerce no fundo do recipiente são, respectivamente:

a) 1,02∗105 N/m2 e 1,02∗103 N
b) 2,00∗105 N/m2 e 2,00 N
c) 2,00∗108 N/m2 e 2,00∗106 N
d) 3,00∗108 N/m2 e 3,00∗106 N
e) 1,02∗105 N/m2 e 20,0 N
08. (EFEI) As dimensões de uma piscina de fundo plano horizontal de um clube social são L = 25 m de comprimento e I = 10 m de largura. Sabe-se que a água que a enche exerce uma força F = 4,5×106 N no seu fundo. Determine a profundidade desta piscina.
Dados:
ρ = 1,00 g/cm3, densidade da água;
g = 10 m/s2, intensidade do campo gravitacional.
09. (Unip) Considere as seguintes informações:
(1) pressão atmosférica em Santos: 76 cm de Hg;
(2) pressão atmosférica em São Paulo: 70 cm de Hg;
(3) 1 atm = 1,0∗105 Pa;
(4) g = 10 m/s2;
(5) densidade média do ar: 1,0 kg/m3.
Com os dados apresentados, calcule a altitude da cidade de São Paulo.
10. (Unicamp-SP) Uma bolha de ar com volume de 1,0 mm3 forma-se no fundo de um lago de 5,0 m de profundidade e sobe à superfície. A temperatura no fundo do lago é 17ºC e na superfície é 27ºC.
a) Qual a pressão no fundo do lago?
b) Admitindo-se que o ar seja um gás ideal, calcule o volume da bolha quando ela atinge a superfície do lago.
Dados:
Pressão atmosférica: p0 = 1 atm = 1,0∗105 N/m2.
Densidade da água: μa = 1,0∗103 kg/m3.

 

GABARITO do Simulado de Física – Lei de Stevin II:

D A D E A

Questão 03:
a) P = 3,2 W
b) pp = 199,3 mmHg
Questão 04: 11 kgf
Questão 08: 1,8 m
Questão 09: 8,0∗102 m
Questão 10:
a) 1,5 atm
b) 1,55 mm3

Física – Lei de Stevin II

Publicado em:Física

Você pode gostar também